segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Nesse caso o físico ajuda, com certeza!

Quem nunca  teve fantasias sexuais com algum tipo especifico de  profissional usando qq tipo de farda ou uniforme que atire a primeira camisinha...
Mas que graxinha
Não sei ao certo oq esse tipo de categoria trabalhista tem, mas que desperta uma fantasia... ah isso desperta, seja ele bombeiro, policial, médico, trocador/motorista de ônibus [sim, pq não?], taxista, entregador, mecânico, enfermeiras, professoras, empregadas domésticas, secretarias e por aí vai até onde sua imaginação permitir ir!

O q eu acho é que algumas dessas profissões citadas, leva à mente a ideia de um homem q tem ou um Q de heroísmo ou de uma masculinidade rústica, se tratando das mulheres é muito usual o desejo por figuras que remetem ao cuidado e subserviência. Esses profissionais proporcionam sonhos a mulheres e homens carentes e indefesos, que desejam q estes profissionais surjam em sua cama para que eles possam se sentir protegidos ou a aquel@s que precisam de uma dose extra de testosterona na vida sexual.
É claro que alguns desses estereótipos foram forjados no nosso imaginário graças aos filmes pornôs que sempre fazem uso de algumas figuras profissionais, tipo, meu encanamento entupiu, liguei p mecânico hidráulico, ele chega, abro a porta, subo na pia e começa o bate estaca. Então ao certo não sei o que veio primeiro os filmes pornôs explorando a imagem desses profissionais ou o desejo reprimido de um galerê sendo transferido para esse tipo de filme. 




Não sei... o que vc’s tem a dizer sobre isso meu povo lindíssimo?

Reações:

1 comentários:

Corno da Camila disse...

delicia de blog ja somos seguidores...bjos
www.cornodevasso.blogspot.com